fbpx

Mobile Marketing

O uso do celular no Brasil

192 milhões de brasileiros X 224 milhões de celulares. Não sei quanto a você, mas eu fiquei impressionado com esses números.

Mobile Marketing. Por onde começar?

Com o ano de 2010 fechando com mais de 202 milhões de aparelhos celulares habilitados no país, as marcas que ainda não abriram os olhos para esse potencial estão fadas a ficar cada dia mais para trás enquanto outras marcas nadam de braçadas nesse cenário.

O Futuro do Mobile está nos aplicativos?

Começar esse texto dizendo que o iPhone revolucionou o mercado de celulares no Brasil, vai dar a impressão aos leitores de que esse texto é de 2007 que está sendo replicado. Essa afirmação é um fato! O iPhone realmente revolucionou a forma como as pessoas usam o celular, o que desejamos nos aparelhos, sem contar a experiência de uso fantástica que ele tem. Não é coincidência ele estar entre os produtos mais desejados do mundo.

O site não tem que ser o primeiro. Tem que ser a referência

Um site, para gerar resultados, deve estar em 1º lugar no Google. Acredito, meus amigos leitores, que todos vocês já ouviram essa frase, e eu não estou aqui para criticar, afinal, ela é verdadeira. Em minhas palestras eu sempre apresento números que mostram que das 70 milhões de pessoas que acessam a web no Brasil (dados de Maio/2010) 92% usam buscadores, sendo que desses 95% usam o Google; dos que usam o Google, 90% não passa da 1ª página, ou seja, estar em 1º na busca é uma arma de impacto poderosa, mas nesse artigo quero ir além disso.

Utilização da teoria de redes sociais para reter clientes

Como pensar redes sociais, sem ser na internet, mas a favor dos negócios? O termo "rede social" ficou famoso com a popularização de sites de relacionamento da web 2.0, como Orkut e Facebook. No entanto, este conceito já existia bem antes de ser utilizado com esta conotação dada pela Internet. As redes sociais emergem de processos culturais e políticos, e, por isso, manifestam um desejo coletivo de inovação como um padrão organizacional capaz de expressar, em seu arranjo de relações, nascidas da vontade de resolver problemas atuais, coletivos e/ou individuais.

Mobile Marketing no Brasil

Podemos observar, de forma crescente, a utilização por parte de algumas empresas, de um recurso que até bem pouco tempo (e talvez até hoje!) era motivo de muito receio e incredulidade por parte dos empresários, no que tange a seus resultados efetivos sobre os investimentos.