Eike Batista chega ao vôlei brasileiro

Eike Batista resolveu entrar com tudo no mercado esportivo. Após lançar sua agência de marketing esportivo, o empresário agora anuncia a criação de uma equipe de vôlei para o Rio de Janeiro.

Inicialmente, ele irá investir 13 milhões de reais em novos (e consagrados) jogadores, além de toda estrutura de fisioterapia e musculação. O ginásio do Maracanãzinho será a casa do RJX, nome dado à equipe.

Em 2009, Eike já havia feito “investimento” no esporte ao doar 23 milhões de reais para a candidatura do Rio nas Olimpíadas 2016. O empresário perdeu apenas para o governo federal, que investiu 25 milhões.

Enquanto novos investimentos chegam, a Sky anuncia o fim do patrocínio ao Pinheiros. Após dois anos de parceria, com grandes jogadores no elenco e sem nenhum título conquistado, a Sky deixa o clube e ruma para o Cimed, de Florianópolis.  Com ela, Giba e Gustavo, que possuem contrato com a empresa, devem partir junto.

Por enquanto, nada foi divulgado sobre o futuro do Pinheiros, que não tomará o rumo que muitas equipes tomaram e fecharam as portas. Mas é um alerta.

A fragilidade dos contratos, as más administrações das equipes e a dependência de maiores contratos, afetam a permanência de muitas equipes na Super Liga, que se desenvolve e melhora a cada temporada. Até a Globo já transmite a fase final do campeonato, para alívio das equipes participantes.

O vôlei é o segundo esporte com mais mídia no país, praticamente todos jogadores da seleção jogam no país, a liga a cada ano está mais competitiva e não se noticiou que mais equipes fecharam. Quem sabe, hoje os patrocinadores sintam-se mais seguros em patrocinar o esporte, fato que não ocorria há dois anos.

Por motivos estratégicos ou corte de gastos, o investimento no esporte era o primeiro a ser cortado. Como nos dois exemplos acima, Eike, com seu faro único para negócios, escolheu o vôlei para seu próximo investimento e a Sky apenas mudou de equipe alegando falta de títulos, que é o combustível para longas parcerias.

O que já estava bom parece que ficará melhor ainda. A chegada de Eike ao esporte promete apimentar ainda mais a disputa pelo título da Super Liga. Com certeza sua equipe terá estrutura de ponta para desenvolver um bom trabalho e montar um elenco de estrelas, por motivos mais do que claros.

Fica a lição para que as outras equipes sejam bem administradas e que desenvolvam melhores ações junto aos seus torcedores. Agora, será mais do que necessário.

Compartilhe agora
divider-tags
Saiba mais sobre:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar

Conheça o 4work Coworking, espaço de Coworking em Vila Velha, ES

O 4work coworking é um espaço de coworking com duas unidades no bairro Praia da Costa em Vila Velha/ES, com salas compartilhadas e privativas

Como fechar seus primeiros clientes de Social Media em tempo recorde

Sim, é possível fechar seus primeiros clientes de Social Media em tempo recorde.

Nicho lucrativo para prestar serviços de Marketing Digital e Social Media

Sem dúvidas esse é um dos melhores nichos para prestar serviços de Social Media e Marketing Digital